Histórico da Etec

A Etec João Maria Stevanatto surgiu primeiramente como uma classe descentralizada da Etec João Belarmino – de Amparo – iniciou suas atividades em fevereiro de 2008, com a implantação dos cursos de Administração e Informática nos períodos da tarde e noite. A classe descentralizada foi instalada em um prédio cedido pela Prefeitura Municipal de Itapira, funciona num bairro misto, porém com maior presença de indústrias e comércio.  A escola foi criada pelo decreto nº 54.843  em 30.09.2009. Em 04/11/09, o Governador em Exercício Antônio Barros Munhoz  assina o projeto de lei nº 13.796 que denominou a ETEC Itapira – ETEC João Maria Stevanatto,  em homenagem a um cidadão de itapira e importante empresário e dinamizador da economia local.

No início de  2011, a Escola foi contemplada com a nova sede. Em fase final de construção, a Unidade conta com 4 laboratórios de Química, 4 de Informática, 12 salas de aula, refeitório, sala dos professores, de coordenação, salas da Diretoria Administrativa, e Acadêmica, Sala da Direção, Biblioteca, Quadra poliesportiva, vestiários masculino e feminino, com capacidade para atender 1200 alunos e aproximadamente 7 cursos.

A Nova Sede da ETEC João Maria Stevanatto está em fase final de construção e a mudança deve ocorrer no mês de abril do corrente ano, as novas instalações estão chamando atenção da população do município, trazendo maior visibilidade para escola junto à comunidade.

A Nova sede foi inaugurada em 06 de maio de 2011, com a presença do Excelentíssimo Governador do Estado Geraldo Alckmim, a Diretora Superintendente Profª Laura Laganá, o Prefeito Antônio Hélio Nicolai e demais autoridades do município e região.

A partir do segundo semestre de 2011 passou a funcionar na unidade os dois novos cursos, ansiosamente aguardado pela comunidade, Técnicos em Química e Segurança do Trabalho. Ambos foram um sucesso na demanda para o vestibulinho e a unidade conta com excelentes instalações para atender a ambos os cursos.  Ao final de 2011 tivemos a formatura da nossa primeira turma de ensino de ensino médio, turma essa que iniciou seus estudos quando a ETEC ainda era uma classe descentralizada de Amparo. Na colação de grau ficou evidente para todos a felicidade da comunidade em possuir uma escola técnica, muitos foram os elogios dos pais e demais presentes.

O ano de 2012 foi um ano de intenso trabalho na unidade, os novos cursos estão se consolidando na unidade, apesar da falta de equipamentos nos laboratórios de química, passou a funcionar na unidade uma classe descentralizada de Pinhalzinho – com o curso de Administração, o que representou um desafio para a equipe gestora visto a distância e a dificuldade de encontrar corpo docente para a classe. Na unidade sede foi o ano que ocorreu o primeiro processo de eleição para Diretor e a comunidade apresentou uma postura exemplar quanto ao processo feito com ética. Agora a Direção encontra-se legitimada como uma escolha, de fato, da comunidade e sabe dos desafios a serem enfrentados para que a unidade atinja seus objetivos frente a comunidade e a região onde se insere. Vale ainda destacar que nesse ano a unidade realizou eventos abertos à comunidade em geral como a Feira Sazonal do Chocolate, a Festa Junina e a Feira Tecnológica que mostram pela grande participação popular o prestígio da escola frente a comunidade. Outro indicador interessante é o número de pessoas que procuram nosso processo de vagas remanescentes, principalmente no ensino médio. Tivemos ainda, o primeiro curso aberto à comunidade externa, curso e informática básica para pais de alunos e comunidade em geral. Esse curso foi gratuito durou 4 meses tivemos uma turma de 20 alunos e foi ministrado pelo professor Altemir Poli, nas segundas e quartas-feiras no período da manhã. Formamos nossa 2ª turma no ensino médio e esta teve um número significativo de alunos aprovados em vestibulares, sendo que 08 em universidades públicas estaduais e federais (3 USP e 5 UFLA, Alfenas), de forma direta, sem cursinho. O que atesta a qualidade do nosso ensino médio. Somos ainda uma escola jovem, porém agora já maduros para sabermos que caminhos trilhar e sabermos quando ajustar o curso dessa jornada.

Segue uma breve biografia de nosso patrono.

  • Nasceu em 08/09/1933 em Itapira, filho de Santa Recchia Stevanatto e Luiz Stevanatto.
  • Em 1944, conclui o primário no Grupo Escolar Dr. Júlio Mesquita.
  • Em 1947, tem seu primeiro emprego com carteira assinada, na função de auxiliar de laboratório na Indústria de Produtos Químicos ALCA Ltda, na fazenda Santa Bárbara.
  • Em 1951, conclui o curso técnico em contabilidade na Escola Técnica de Comércio de Itapira e também faz o curso de Química Industrial no Instituto Monitor.
  • Em 1952, ingressa na Faculdade de Odontologia do Triangulo Mineiro em Uberaba, período em que trabalhou como auxiliar de escritório em um Posto de gasolina “N. Magnabosco & Cia”.
  • Em 1955, abre seu Gabinete dentário localizado a Rua Bento da Rocha 166, em Itapira, onde atua como Cirurgião Dentista até 1959.
  • Em 1956, casa-se com a Uberabense Íris Scussel com a qual teve três filhos, Luiz, Kátia e Andrea.
  • Em 1959, ingressa por Concurso no Banco do Brasil, na função de escriturário onde permanece até 1977, quando se aposenta.
  • Neste mesmo período trabalha na Fundação Espírita “Américo Bairral”, inicialmente como dentista, passando a seguir para a parte Administrativa.
  • De 1963 à 1967 ocupa o cargo de Provedor da Fundação Espírita “Américo Bairral”
  • De 1967 a 1968 ocupa o cargo de Administrador Financeiro da Fundação Espírita “Américo Bairral”.
  • Em 1969, funda com três médicos amigos a Clínica de Repouso de Itapira sendo o responsável pela parte Administrativa da nova empresa.
  • Em 1972, funda o Laboratório Cristália Produtos Químicos Farmacêuticos Ltda.
  • Desde 1964 já desenvolvia trabalhos sociais em Itapira como o antigo SOS, Asilos, Creches, sendo um dos fundadores da Guarda Mirim.
  • De 1999 a 2003 atua como membro do Conselho Municipal de Saúde de Itapira.
  • Esteve à frente do Laboratório Cristália e da Clínica de Repouso de Itapira até seu falecimento em 05/09/2007.
João Maria Stevanatto

João Maria Stevanatto

Theme by TMDthemes